terça-feira, 22 de setembro de 2009

Faz algum tempo perdido no tempo

A letra dessa música me faz lembrar uma pessoa que fez parte da minha vida e que já não está mais aqui... não por vontade nossa, mas porque Deus achou melhor assim, pois precisava de alguém como ele ao seu lado, no céu...


Parece que já
faz tanto tempo que eu deixei
de ser importante pra você.
Reconheço que
já faz tanto tempo que eu não sou
o que na verdade eu nem cheguei a ser!
Nem o que eu poderia ser, nem o que eu queria ser...
Em algum lugar no tempo, eu deixei de ser
o que sempre quis ser...
sumi nessa passagem.
E quando parti desta forma, deixei ficar
meus sonhos jogados pelo chão,
palavras perdidas pelo ar.
Deixei ficar você,
perdida, sem a si própria.
Restam apenas
lembranças contidas
nesta solidão.
Eu já nem me lembro mais quanto tempo faz!
Mas eu não me esqueço que te amei demais.
Pois nem mesmo o tempo conseguiu me fazer esquecer você.
Não, não fomos tudo aquilo que se pode ser...
Podíamos ter sido mais!
Meu amor foi mais do que se pode crer...
Sim, foi mesmo e ainda é!
Não fomos tudo... foi mais que crível...
Mas o tempo foi passando, levando lembranças e esperanças...
E nem mesmo o tempo conseguiu me fazer esquecer você.
Tentei ser feliz ao seu lado.
Fiz tudo que pude, mas não deu...
E aqueles momentos que guardei
me fazem lembrar o muito que eu te amei!
E hoje no silêncio que ficou
eu sinto a tristeza que restou.
Há sempre um vazio em minha vida quando imagino nossa despedida.
Eu já nem me lembro quanto tempo faz!
Mas eu não me esqueço que te amei demais.
Pois nem mesmo o tempo conseguiu me fazer esquecer você, não!
Acho que fomos tudo aquilo que se pode ser...
E creio que podemos ser mais ainda!
Meu amor foi mais do que você pôde crer...
E acho se você acreditar, poderá ser mais ainda!
Se nunca acreditou, terá sido maior mesmo assim,
e nem mesmo o tempo conseguiu me fazer esquecer você... ainda!


Melodia: Lembranças
(com Kátia)

Nenhum comentário:

Postar um comentário